Concurso Correios 2015 – Sindicato repudia contratação de temporários





Contrário à realização de um processo seletivo para contratação de temporários pelo prazo de um a cinco anos, proposta da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, o Sindicato Nacional dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos do Rio de Janeiro (Sintect-RJ) se reuniu, no início deste mês, em uma assembleia, para debater diversos pontos, incluindo essa seleção. De acordo com uma nota publicada no site do sindicato, foi aprovado, por unanimidade, o repúdio ao concurso por tempo determinado.

“A categoria exige a contratação de carteiros por tempo indeterminado”, dizia um trecho da matéria. Ainda segundo essa nota do órgão, “a diretoria do Sintect-RJ está fazendo movimentações para que sindicatos de outros estados também entrem nessa luta”. Também no encontro, os sindicalistas ainda aprovaram o estado de greve. O processo seletivo em questão, para a contratação de profissionais temporários, foi anunciado em fevereiro pelo próprio presidente dos Correios, Wagner Pinheiro de Oliveira, que acrescentou que a estimativa é iniciar as contratações pela região de Campinas, local com defasagem alarmante, noticiada no início do ano pelo sindicato de Campinas.

Já no mês passado, a Assessoria de Imprensa da ECT deu mais uma informação a respeito dessa seleção. “Os concursos macrorregionais (contratação por prazo indeterminado) e o processo seletivo (contratação por prazo determinado para substituição de mão de obra temporária) ocorrerão após discussões entre a empresa e as representações sindicais nas reuniões do Sistema Nacional de Negociação Permanente, nos meses de abril e maio de 2015. As contratações devem ocorrer em julho deste ano.”